Home » Discurso de Salles no aniversário de 40 anos do MST na Câmara causa confusão

Discurso de Salles no aniversário de 40 anos do MST na Câmara causa confusão

por Agora Noticias Brasil
0 Comente
discurso-de-salles-no-aniversario-de-40-anos-do-mst-na-camara-causa-confusao

A sessão em homenagem aos 40 anos do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) realizada pela Câmara nesta terça-feira (28), gerou tumulto. O deputado federal Ricardo Salles (PL-SP), foi um dos por parlamentares da oposição que discursaram. Como reação, militantes vaiaram o pronunciamento, deram as costas e o chamaram de “fascista”.

  • Siga o canal “AGORA NOTÍCIAS BRASIL” no WhatsApp

Salles foi à tribuna do plenário dizer que os 40 anos do grupo “são de insucesso de uma política que fracassou” e que os achados encontrados na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do MST, relatada por ele, “não trazem motivo para a comemoração”.

– Entendo que não há nada a ser comemorado. Esses 40 anos são de insucesso de uma política que fracassou e volta a ser feita de maneira que vai fracassar – foram as primeiras palavras de Salles.

  • Valdemar afasta assassino de Chico Mendes da direção do PL no PA
  • STJ confirma data de julgamento de Robinho; veja
  • Governo avalia estender por tempo indeterminado permanência de embaixador brasileiro de Israel no Brasil

O deputado Rodolfo Nogueira (PL-MS) foi outro oposicionista a falar.

– A gente aqui abriu uma sessão solene para o MST. São 40 anos de destruição – afirmou o parlamentar.

– Quero dizer a todos que os dirigentes do MST vivem em apartamentos, em mansões luxuosas, enquanto vocês vivem em barracos em situações sub-humanas. Isso é uma vergonha – prosseguiu o parlamentar, que foi vaiado e chamado de fascista.

????AGORA – Deputado Ricardo Salles bate de frente com o MST na sessão que está sendo feita para homenagear o grupo criminoso!

Salles disse que não tem o que comemorar, só tem pobreza e crimes cometidos pelo MST! @rsallesmma pic.twitter.com/RSl0VF2gkZ

— SPACE LIBERDADE  (@NewsLiberdade) February 28, 2024

Da oposição, também inscreveram-se para falar Evair Vieira de Melo (PP-ES) e Marcel van Hattem (Novo-RS). Abilio Brunini (PL-MT) também apareceu para observar a sessão.

– Os bolsonaristas não podem provocar o Brasil inteiro nesta sessão. Essa sessão foi aprovada pelo plenário. Não estamos fazendo nada que não esteja dentro do regimento da Câmara. Isso aqui é a democracia. Vocês têm todo o direito de discordar, mas não podem agredir as pessoas presentes aqui – disse o líder do governo na Câmara, José Guimarães (PT-CE).

A sessão solene em homenagem ao MST teve a presença de dois ministros do governo Lula, Paulo Teixeira (Desenvolvimento Agrário) e Sonia Guajajara (Povos Indígenas). Também estiveram na reunião o presidente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), César Aldrighi, e o embaixador de Cuba no Brasil, Adolfo Curbelo Castellanos.

A sessão atendeu a um requerimento encabeçado por deputados petistas que fazem parte do movimento agrário, entre eles Valmir Assunção (PT-BA), João Daniel (PT-SE) e Nilto Tatto (PT-SP).

Em pronunciamento à sessão, lido por Rosário, o presidente da Casa, Arthur Lira (PP-AL), disse que o MST tem “os mais elevados méritos” e que defende bandeiras “de atenção questionável”. Para ele, a base do movimento “tem sido combativa e exitosa na tarefa de questionar o desmazelo em relação à dignidade e aos direitos humanos dos trabalhadores rurais”.

você pode gostar

SAIBA QUEM SOMOS

Somos um dos maiores portais de noticias de toda nossa região, estamos focados em levar as melhores noticias até você, para que fique sempre atualizado com os acontecimentos do momento.

categorias noticias

noticias recentes

as mais lidas

Nossa Casa TV © Todos direitos reservados