Home » Foragida do FBI, Patrícia Lélis é derrotada em ações judiciais

Foragida do FBI, Patrícia Lélis é derrotada em ações judiciais

por Agora Noticias Brasil
0 Comente
foragida-do-fbi,-patricia-lelis-e-derrotada-em-acoes-judiciais

Patrícia Lélis é jornalista, mas ganhou conhecimento nacional por conta das muitas polêmicas em que se envolveu. No Instagram, ela estampa em sua bio a mensagem: “eu trabalho e falo sobre política, porque tudo é político”. Porém, aqui, vamos destacar um aspecto diferente de sua vida: o judicial. Afinal, a Justiça também é política, ou não é?

A coluna Fábia Oliveira(Metrópoles) descobriu com exclusividade que Patrícia foi processada por uma mulher chamada Janaína de Toledo, uma brasileira que alega ter sofrido muito nas mãos da moça, que já chegou a ser candidata ao cargo de Deputada Federal. Vale lembrar que ela chegou a ser expulsa do PT e se envolveu em inúmeros escândalos com nomes importantes do mundo político.

  • Debate sobre aborto vira munição de Lira contra Nísia
  • Congresso articula blindagem contra STF com propostas visam ampliar imunidade parlamentar

Segundo os autos, Patrícia Lélis, que já desafiou Feliciano e que foi diagnosticada como mitomaníaca por um laudo pericial, já foi amiga da autora da ação. Mas os laços foram rompidos. Em seguida, Lélis começou a fazer comentários ofensivos, mentirosos e até caluniosos sobre Janaína.

Dentre tantos nomes utilizados para se referir a ex-amiga estavam “cafetina”, “prostituta”, criminosa” e muitos outros de arrepiar os cabelos. Patrícia teria usado suas redes sociais para massacrar a a autora e imputar crimes a ela.

Invertendo a lógica do jogo, ela afirmou que era perseguida por Janaína e fez um alerta afirmando que se morresse ou algo de ruim acontecesse, a autora da ação que seria a responsável. Uma mulher que, segundo Lélis, era ligada ao “gabinete do ódio”.

Aos poucos, Patrícia Lélis passou a perseguir o namorado da, até então, amiga e sua família. Divulgava seus dados pessoais e informações sensíveis sobre suas vidas. Desesperada, Janaína acionou a Justiça para tentar impedir a jornalista de fazer as postagens maldosas e infundadas, e pediu uma indenização de R$ 100 mil reais.

Em decisão recente, Patrícia Lélis foi proibida de sequer falar o nome de Janaína e ainda deve apagar as postagens sobre a mulher que tanto perseguiu. Foi descoberto, ainda, que ela criou cerca de 50 perfis falsos apenas para atacar a autora.

Lélis ainda teria, segundo fontes, sido condenada em uma importante ação criminal que correu na corte norte-americana. A razão? Suas mentiras constantes e práticas de estelionato, aplicado golpes em diversos brasileiros sob a falsa carteirada de uma “advogada de imigração”. O FBI acabou entrando na história e ela, então, ganhou um novo título: foragida!

Hoje, Patrícia Lélis coleciona dezenas de processos em seu nome e ninguém sabe de seu paradeiro, mas, Janaina, por sua vez, pode respirar um pouco mais aliviada após tantos reveses.

você pode gostar

SAIBA QUEM SOMOS

Somos um dos maiores portais de noticias de toda nossa região, estamos focados em levar as melhores noticias até você, para que fique sempre atualizado com os acontecimentos do momento.

categorias noticias

noticias recentes

as mais lidas

Nossa Casa TV © Todos direitos reservados