Home » Na mira da PF, pastor se diz arrependido da “bolsonarização”

Na mira da PF, pastor se diz arrependido da “bolsonarização”

por Agora Noticias Brasil
0 Comente
na-mira-da-pf,-pastor-se-diz-arrependido-da-“bolsonarizacao”

O pastor Anderson Silva gravou um vídeo para falar sobre alguns arrependimentos que tem, entre eles a forma como se envolveu politicamente. Segundo ele, a “bolsonarização” prejudicou seu ministério.

– Eu quero me arrepender da bolsonarização do meu ministério. Eu alertei sobre isso e preguei sobre isso. Eu sou bolsonarista, mas não sou bolsominion (…) se a gente esquerdizar ou bolsonarizar, a gente estará perdendo o Evangelho e, mesmo fazendo esse alerta, perdi gente. Eu não posso ser um pastor bolsonarista, eu sou um pastor – declarou.

  • Risco Argentina cai 848 pontos desde a posse de Milei
  • Governo vai abrir mais 10 mil vagas de concurso até 2026, diz Dweck

Silva está na mira da Polícia Federal (PF) por ter dito em um podcast que ora para que Deus “arrebentasse a mandíbula” do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). No vídeo, o pastor chega a citar a situação com a polícia e deixa a entender que se arrepende de ter falado a frase polêmica.

O pastor também ressaltou que considera um “desrespeito a Jesus ter um pastor de direita ou de esquerda porque a função de um pastor é estabelecer o reino de Deus na terra”. Ele também se coloca como “um dos responsáveis por essa bolsonarização”.

Pleno News

você pode gostar

SAIBA QUEM SOMOS

Somos um dos maiores portais de noticias de toda nossa região, estamos focados em levar as melhores noticias até você, para que fique sempre atualizado com os acontecimentos do momento.

categorias noticias

noticias recentes

as mais lidas

Nossa Casa TV © Todos direitos reservados