Home » PF abre inquérito para investigar tentativa de invasão no Alvorada

PF abre inquérito para investigar tentativa de invasão no Alvorada

por Agora Noticias Brasil
0 Comente
pf-abre-inquerito-para-investigar-tentativa-de-invasao-no-alvorada

A Polícia Federal (PF) informou que abriu inquérito para investigar a tentativa de invasão ao Palácio da Alvorada, ocorrida na madrugada deste sábado (24/2).

De acordo com a corporação, o início das investigações, por meio da instauração de inquérito policial, foi determinado pelo diretor-geral da PF, Andrei Rodrigues. “Estão em curso medidas para localizar o veículo, bem como o responsável pela tentativa”, informou em nota.

A PF aguarda comunicação formal do Gabinete de Segurança Institucional, responsável pelos bloqueios e abordagem, relatando detalhes do ocorrido para auxiliar nas investigações.

A assessoria de comunicação da Presidência da República confirmou que um carro tentou furar o bloqueio da rua que dá acesso aos Palácios do Jaburu e do Alvorada, mas informa que o veículo não chegou a se aproximar da residência oficial.

A ocorrência teve início pouco antes das 5h45, quando o motorista de um Ford Focus preto seguiu em direção à residência oficial, na Zona Cívico-Administrativa de Brasília. Ele desobedeceu à ordem de parada e o veículo furou os pneus na “cama de faquir”.

A coluna Na Mira mostrou que, ainda assim, o carro escapou em direção ao Palácio do Jaburu e, na tentativa de detê-lo, um segurança atirou duas vezes contra o veículo.

Até o momento, nenhum suspeito foi preso. O veículo também não foi localizado.

Após a situação, a Polícia Militar do Distrito Federal reforçou o policiamento na Esplanada dos Ministérios, na manhã deste sábado.

Metropoles

 

você pode gostar

SAIBA QUEM SOMOS

Somos um dos maiores portais de noticias de toda nossa região, estamos focados em levar as melhores noticias até você, para que fique sempre atualizado com os acontecimentos do momento.

categorias noticias

noticias recentes

as mais lidas

Nossa Casa TV © Todos direitos reservados