Antônio Brum Grêmio
Imagem: Gustavo Langer/Portal do Gremista

Apesar da grande vitória do Grêmio por 4 a 1 contra o Guarany de Bagé, na tarde do último sábado (2), na Arena, com direito a gol do estreando Diego Costa e do ídolo Geromel, a coletiva de imprensa deu o que falar. O técnico Renato Portaluppi e o vice-presidente de futebol Antônio Brum concederam entrevista e ambos estavam na bronca por motivos diferentes.

Primeiro, o comandante do Tricolor Gaúcho não poupou palavras quando foi questionado sobre a sua ausência em Ijuí, na Recopa Gaúcha:

— Quando se trata do nome de Renato, as pessoas querem aparecer. Uma crítica ali, outra aqui é válido, mas tem gente que deve ser apaixonada por mim, porque falam do meu nome o tempo todo — ironizou Renato. 

Leia mais: 

Brum manda recado para o torcedor

Na sequência, foi a vez do dirigente do clube, Antônio Brum, expor o posicionamento do Imortal em relação aos acontecimentos polêmicos envolvendo a arbitragem da FGF, especialmente no GreNal 441:

— Quero deixar claro para o torcedor que não vamos deixar que tirem o campeonato do Grêmio na mão grande. O que aconteceu no Grenal foi um escândalo. Podemos até perder o título dentro de campo, mas não fora dele — falou Brum. 

Imagem destaque: Lucas Uebel/Grêmio/Divulgação

Foto de Fabíola Thiele